Informações não pedidas e tão pouco necessárias

Minha foto
Princesa herdeira, daemon, cabelo, escritora, amigona, dragona e dona do Blaublau; assistente técnica do melhor time e sem paciência pra você. Pra me atormentar basta existir, mas espera atrás da capa. Ah é... eu sou o Batman.

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Personagens

Nossa, pensando aqui com meus botões e lendo, óbvio, pensei em como algumas pessoas conseguem criar personagens incríveis e apaixonantes! Se ao menos um dos meus personagens for assim, já serei eternamente feliz.
Por exemplo, Tolkien! Bem... esse exemplo é covardia. Todos seus personagens são demais! Só o Frodo que é meio blá... sei lá, não vou muito com a fuça dele, mas vejam o Sam, Gandalf, Gollum, Mandos, Melkor!!! Bem, todos!! São perfeitos. Deve ser exatamente por isso que o Frodo é meio fraquinho mesmo, porque quando se faz todos os seus personagens serem muito fodas, qualquer um que não é foda o bastante fica fraquinho... pra resumir: Tolkien é muito foda, o melhor ever e pronto! (nem vou me dar ao trabalho de deixar claro que essa é minha opinião, pois pra mim, no caso do Tolkien, essa é uma verdade universal e incontestável!)
Mas falando de alguns mortais da literatura, vou citar alguns personagens que eu amo muito, mas óbvio que vou esquecer muitos, então vocês podem me lembrar depois, em comentários (não vou falar de personagens do Tolkien aqui porque, como disse antes, acho covardia, depois faço um post só pra eles):

Severo Snape: Uau!!! Foi um dos personagens mais incríveis que já conheci. Nem preciso falar que me apaixonei perdidamente. (Ah! Vocês não estavam esperando uma análise literária, né? Só faço isso obrigada, ok!)

Dumbledore: Muito fofo, muito doido e eu adorava ele!!!

Fuchur: Eu sempre quis um Dragão da Sorte como ele...

Saphira: Ela, assim como quase todos os Dragões da Alagaësia, é muito fofa! Adoro o jeito dela de falar (cavalos-que-ela-não-podia-comer), o jeito dela se referir ao Eragon (Pequenino), ai... quero ela pra mim!

Pantalaimon: Nossa! Oh fofura! (Tá, não tenho nada pra falar, só quero listar os personagens fofos que eu amo e queria pra mim...)

Aslam: Sempre amei leão, esse então...

Ai, tem mais um monte... mas não to com paciência agora e esse post tá preso aqui há umas três semanas, so... vai assim mesmo!



sexta-feira, 25 de junho de 2010

Imagem

Sério.

Vou ter que escrever sobre esse jogo para deixar bem claro minha posição.
DIFICILMENTE torço contra os meus times (Corinthians e Brasil), isso só acontece quando to muito puta com alguma coisa, tipo frescura de jogador, time não querer jogar bola ou, no caso do Brasil, quando o Robinho ta fazendo graça... mas mesmo quando isso acontece, EU DIGO que vou torcer pro time adversário ou qualquer outro, mas no fundo, óbvio, estou torcendo para o Brasil. Mas, às vezes, acontece algo que não sei explicar ou identificar que me faz, mesmo contra a vontade, torcer desesperadamente para o time adversário, de corpo e alma mesmo, não superficialmente, e não tenho como mudar isso. E foi exatamente isso que aconteceu hoje, pela primeira vez em uma Copa do Mundo, pra falar a verdade, pela primeira vez em uma competição oficial, pois até hoje só havia acontecido em amistosos. QUE ÓDIO!!!!
Não tem nada a ver com o resultado, na verdade, nesses casos eu nem consigo identificar o problema, então hoje, principalmente para poder desestressar um pouco vou falar dos jogadores em campo, assim, quem sabe, consigo pelo menos vislumbrar o que tanto me irritou...

Julio Cesar - É um metido! Acha que tem que fazer malabarismo para fazer defesas fáceis e isso me irrita ao extremo, quase esqueço que ele defendeu o penalti do D'Alessandro na Copa América de 2004, mas é um bom goleiro e dos males de hoje ele definitivamente foi o menor.
Juan - Bom jogador, ótimo zagueiro, não estava muito bem hoje, mas ter que ficar pagando os patos do bandido do companheiro de zaga dele não é fácil não...
Lucio - FILHO DE UMA PUTA!!!!! Alguém, por favor, lembra esse desgraçado que ele é zagueiro. ZAGUEIRO!!!! Ele ir uma vez ou outra pro ataque com a bola é até bonitinho, mas esse não é o trabalho dele! Uma coisa é ele fazer BEM o trabalho dele E ainda ir pra frente, outra coisa é esquecer pra que ele tá em campo e ficar fudendo a vida do Juan. E pra quem fica dizendo que ele faz isso porque ninguém vai buscar a bola, eu acho exatamente o contrário: ninguém vai buscar a bola porque sabe que o palhaço quer vir pra frente. Isso é uma vergonha!
Maicon - Só Deus sabe porque ficam com tanto lelele com esse aí. É um jogador mediano, fominha e que às vezes dá sorte de acertar o gol. Mas é outro que esquece o próprio serviço, marcar que é bom NADA.
Michel Bastos - Péssimo jogador, mas é esforçado. O problema é que às vezes esforço não resolve....
Gilberto Silva - Geralmente nem acredito que ele realmente esteve jogando. Hoje, no meio de tanta desgraça, ele podia ser tido até como bom jogador e é sempre melhor um jogador que não é notado do que um filho da puta que só faz cagada.
Felipe Melo - Eu nunca fui muito com a fuça dele, mas ele que andou concertando algumas cagadas do Lucio na defesa nos dois primeiros jogos. Hoje fez exatamente o que tinha que fazer em campo, colocou o Pepe no lugar dele. Pra mim, junto com o Nilmar, o melhor em campo.
Daniel Alves - Provou que só serve mesmo pra entrar no segundo tempo, às vezes. Fominha, atrasa todos os contra ataques e se acha craque...
Julio Batista - WTF aconteceu com ele hoje???? Não tenho nem o que falar...
Josué - Nem parece que entrou, não que a culpa seja exclusivamente dele...
Ramires - Bom jogador, entrou bem, mas não podia fazer mais nada.
Nilmar - Vai se fuder esse homem, muito bom jogador!!!! Só na cabecinha do Dunga pra ele ser reserva. Melhor em campo EVER!!!!!
Luis Fabiano - Não dá nem pra falar nada, a bola não chegava nele nunca. Quando o Nilmar pegava a bola e dava um jeio de chegar nele, ele fazia o que tinha que fazer, só não deu sorte, o que me faz perguntar: o que o Dunga pretendeu substituindo ele????
Grafite - Mesma coisa... não dá pra falar nada, nem sei pra que entrou. O problema não tava lá...

Kaká fez falta? Óbvio!
Robinho? Nenhuma.
O problema está nas convocações (digo, o Dunga deveria ter trazido o Ganso?) NÃO!!!!! O Ganso não é jogador de seleção, ia ser mais um metido a craque e só ia dar mais trabalho, o Dunga que não mexeu direito hoje, mas ele tá com moral comigo....
E só pra fechar: é fácil botar a culpa no Kaká quando a seleção não tá bem, mas ele não tem obrigação de consertar o time inteiro, ele é APENAS um jogador, o trabalho dele é fazer o trabalho DELE bem feito, o que ele faz muito bem. E como é um jogador excepcional, quando tá bem, colabora para o time inteiro jogar bem, mas agora ele não tá bem, porra! Ele também é humano e é nessas horas que o TIME tem que contribuir pra ele melhorar. É fácil culpar um só e esquecer o resto. E outra, eu to com raiva da seleção e tudo, e nem sei direito porque, mas vale lembrar que mesmo estando essa draga aí, nós somos muito melhores que várias seleções dessa Copa e mesmo com milhões de cagadas individuais ainda podemos ganhar de Argentinas, Alemanhas e quem mais vier.
And I don't love you today.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Copa do Mundo

Bom, o que posso dizer?
A segunda rodada mudou um pouco minha opinião. A Grécia e a Eslovênia, afinal, não eram tão ruins assim... Então, pra mim, Honduras, Coréia do Norte e Argélia são os menos melhores da Copa.
Inglaterra e Itália definitivamente deixaram seja lá o que for que dizem que eles tem de futebol em casa, só pode. Alemanha continua bem, na minha opinião, e Brasil e Argentina não preciso nem falar que são fodas e ponto. Óbvio que acho o Brasil melhor e não por ser o meu país querido. É que eu sei que mesmo não apresentando um futebol dos deuses, quando precisar a nossa seleção vai lá e arrasa, ainda mais agora que nossos queridos amigos franceses se foram... Mas uma surpresa dessa Copa e que ainda dá arrepios nos brasileiros é o Uruguai... vai saber o que vira se esses dois se encontrarem... quero nem ver!
Agora a África do Sul era óbvio que não ia se classificar... só se tivesse muita ajudinha de juiz... fiquei um pouco triste, mas nada surpresa...
Última rodada da primeira fase é uma coisa... quase morro hoje... primeiro a eliminação da Eslovênia, muita dó... ainda mais pra dar lugar pra EUA, aff... mas é bom... deixa que o Uruguai ensina o que é futebol pra eles... E a Sérvia... nem comento.
Ai, to desanimada pra falar direito da Copa... já tá acabando... fico triste, mas só pra fechar:
França: WTF????
Costa do Marfim: Nem os verdadeiros elefantes fazem o que vocês fizeram. Feio, muito feio...
Love you.

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Eu votei no Brasil

Pessoal, estou fazendo uma promoção. Se o Brasil passar a Argentina ali na enquete, vou sortear um livro entre as pessoas que deixarem um comentário neste post.
Dependendo do vencedor, escolho o livro, ok! Tá valendo!

Sim, eu apelo mesmo!

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Copa do Mundo!!!!

Bem! Agora que terminou a primeira rodada, posso dar uma opinião mais encorpada... não muito.
Pra mim o único time que foi excepcional foi a Alemanha. Óbvio que ela é sempre um pouco favorita por ser tricampeã, mas com o futebol que apresentou, independente do número de gols, ela é favoritíssima, na minha opinião. É que o Brasil quando pega uma seleção grande e decente, ele toma vergonha, então até poderia ganhar da Alemanha...
A pior ou piores, pra mim, pelo que vi até agora, é a Coréia do Norte, a Grécia, a Eslovênia e a Argélia. Não achei a Nova Zelândia tão ruim como todos estavam falando e embora tenha me tirado 5 pontos do bolão, amei o gol que eles fizeram na Eslováquia, só pra calar a boca do povo... Mas muita gente só vê o que quer. A Globo então...
A Argentina não foi nada demais, assim como a Itália. A Holanda me decepcionou tremendamente e a Dinamarca deveria ter vencido, nem empate era justo. Portugal também foi normal, mas a Costa do Marfim me deixou um pouquinho preocupada...
Eu fiquei um pouco decepcionada também com o Uruguai no primeiro jogo, mas hoje foi bem melhor. A França eu não esperava muito, então se fizer alguma coisa do tipo ir para as oitavas, aí sim vai me surpreender novamente. México também foi bem fraquinho, achei que tava melhor... vamos ver amanhã. A Inglaterra foi o que eu esperava mesmo, já os EUA, pra quem foi finalista da Copa das Confederações e falou que podia ganhar de QUALQUER seleção do mundo, foi beeem fraquinho. A África do Sul não se classificar não é surpresa nenhuma, é triste, mas não surpresa. Fala sério, o único jeito de eles irem adiante era a arbitragem ajudar muito, como na Coréia do Sul, mas ainda assim o time da Coréia em 2002 era muito melhor. Já seria normalmente difícil pra África do Sul, no grupo que caiu então... Talvez se tivesse caído no grupo que tá a Alemanha, quem sabe?
Agora o pessoal que acha que foi zebra a Suíça ganhar da Espanha não entende nada de futebol e nem de Copa do Mundo. Prestenção, meu povo!!! A Espanha não vira nada, time pipoqueiro, sempre foi. Óbvio que alguém poderia dizer que podia ser diferente dessa vez, mas olha o que eles fizeram na Copa das Confederações, um time que pipoca lá, pipoca mais ainda na Copa do Mundo. Não que eu tivesse certeza que a Suíça ia ganhar, mas era um jogo que podia acontecer qualquer coisa, assim como Brasil X Argentina, se bem que esse anda meio previsível nos últimos tempos... Mas o ponto é, se a Argentina ganha, não é zebra, é resultado. Assim como foi o da Suíça.
E falando em Brasil... bem. Digamos que me assustei com o que vi no primeiro tempo. QUE DRAGA!!! Mas no segundo tempo melhorou um pouquinho... E o Brasil sempre foi assim em estréias, nunca chega abafando. E estréia é sempre difícil, mas eu sei que quando pega um time mais forte o Brasil melhora. É um bom time...
E seja o que Deus quiser.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Dark Writer

Bem gente, estou aqui pra falar sobre uma pessoa que conheci no twitter, divulgando um livro. Óbvio que me encantei de cara! E jurava que era uma menina... só depois descobri que, na verdade, seu sexo, assim como qualquer coisa sobre essa pessoa, é um mistério. É apenas Dark Writer!
Quanto ao livro, meu Deus!!!! Muito bom!!! E não to puxando o saco não, eu nem conheço a pessoa. É BOM MESMO! Quando comecei a ler vi que estava diante de uma obra que tem tudo pra encantar o mundo. E olha que sou super exigente com histórias de fantasia (e talvez aqui o/a Dark diga alguma coisa, mas é que segundo a teoria que eu estou tentando sustentar no meu mestrado seu livro é realmente uma fantasia e das boas!).
Enfim, desejo toda a sorte do mundo a(o) Dark e pra qualquer coisa que precisar, estarei aqui. Como você mesmo/a já sabe, eu também escrevo e sei que qualquer ajuda é sempre bem-vinda!

Leiam:

E pra quem não tem orkut...
Capítulo 1:
Capítulo 2:
Capítulo 3:
Capítulo 4:

Logo logo sai o próximo... aguardem!
Love you.

Então...

O nome do post seria "Zagueiros", para que eu pudesse homenagear a posição mais privilegiada dos últimos tempos (e, nesse caso, incluiria o Chicão e talvez o Paulo André), mas... o Bendtner não é zagueiro e eu não poderia deixá-lo de fora. Esses aí então são MEUS destaques da Copa (em beleza) até agora...
Lugano - Uruguai (Parece o Heath)


Cannavaro - Itália (To de olho em você há muito tempo, bambino!)


Bendtner - Dinamarca (Fofíssimo)
E é isso, por enquanto.
Love you.

Copa 2010 - Imagens!

O galináceo, passo a passo:


















Tadinho do Green!
Love you.

sábado, 12 de junho de 2010

E mais uma do microfone da discórdia...

"Galvão: - E amanhã tem Argélia X Eslovênia, Sérvia X Gana e Alemanha X Áustria, isso mesmo meu amigo... Alemanha X Áustria."
(Silêncio)
Voz misteriosa no microfone da discórdia, que pode ser tanto do Casagrande quanto do Arnaldo: - É Austrália."

HAHAHAHAHA
Ae Galvão!!!! Vamo prestar atenção, amigo! Já não chega ficar falando que o Messi tá aquecendo pra Copa (?)?

Nunca antes na história desse país...

você viu o Galvão NARRANDO um jogo. Até hoje, no jogo Argentina X Nigéria. Acompanhem:

"Galvão: - Porque o Maradona é um ídolo, Messi tá pressionado por causa dele e blá blá blá.
(Imagem de um torcedor com uma garrafa na mão)
Arnaldo Cezar Coelho: - Mas isso é muita falta de segurança, eles deixaram entrar com garrafas, um absurdo!"
Voz no fundo, que não deveria ter sido captada pelo microfone, mas foi, e que provavelmente é do Casagrande, muito irritado: - É de plástico, eu peguei.
(Silêncio)
Galvão: - Verón, Higuain, Messi, toca pra Di Maria..."

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA
Globo cada vez melhor!!!

quinta-feira, 10 de junho de 2010

E bota a mão no controle que vai começar....

EEEEEEEEEEEEEEE!!!!!
Amanhã, FINALMENTE, começa a Copa.
Ai meu Deus, ai meu Deus!!!!
Seja o que Deus quiser!
Love you.

domingo, 6 de junho de 2010

Post relaxado!

Não tenho absolutamente nada pra escrever. Só quis fazer uma brincadeira com o título do post mesmo. Mas já que eu comecei. Vamos lá.

Oi.
Oi.
Teu pai tem boi?
Não, tem vaca, seu babaca.

Gente, já pensou se cada pessoa no universo fosse exatamente como ela devesse ser do ponto de vista de cada um. Óbvio que não, porque isso não faz sentido nenhum, seu idiota. Sério! Você é muito idiota!

Isso é um tratado. É tratado que chama? Nem lembro.

Sabe que, no fundo, no fundo, nenhum conselho vale nada, porque você SEMPRE vai fazer aquilo que quiser. A menos que você seja idiota e nesse caso não há nada que eu possa fazer. E também, lá no fundo nada importa mesmo.

DUVIDO que você tenha entendido.

As palavras são as coisas mais interessantes com que tenho lidado ultimamente. E dependendo do jeito que você as organiza, elas podem me irritar ou me animar. Em todos os casos.

Quem disse que podia?

E cinco e nove vão continuar sendo cinco e cinco mais quatro. Óbvio que se você for idiota, vai pensar "na verdade pode ser cinco e três mais seis e todas as outras combinações." Mas você é idiota, por que alguém ia se dar ao trabalho de prestar atenção ao que você diz?

Putz!

sexta-feira, 4 de junho de 2010

Post relaxante!

Só para quebrar a seqüência futebolística...
Olá, pessoal! Estou iniciando um novo modo de ver a vida e o mundo. A partir de agora NADA importa. Isso mesmo, nadinha. Não vou me preocupar mais com nada, nem me irritar com nada. Todas as pessoas que encontram tanto prazer em me tirar do sério vão ter que encontrar outra forma de divertimento, porque agora eu sou uma pessoa super light. E seja o que Deus quiser!!!
Love you.

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Parabéns Chicão!!!!

Oi meu homem vivo nº 2!!! Feliz aniversário!! Que o time que você defende ganhe todos os títulos que disputar esse ano. Tudo de bom! E um suuuper beijo da sua fã nº 1. LINDO!
Love you.

África do Sul 2010


Bem, essa começa a semana que vem, vamos ver o que vira. Se agente ganhar essa, só vai faltar uma na Oceania pra gente ter ganhado em TODOS os continentes. Seja o que Deus quiser e MORRA ROBINHO!!!!

quarta-feira, 2 de junho de 2010

Alemanha 2006 - Dados

Realizada de 09 de junho a 09 de julho de 2006
64 jogos
147 gols
Artilheiros: Klose (Alemanha) com 5 gols
Classificação final:
Itália
França
Alemanha
Portugal
Brasil
Argentina
Inglaterra
Ucrânia
Espanha
Suíça
Holanda
Equador
Gana
Suécia
México
Austrália
Coréia do Sul
Paraguai
Costa do Marfim
República Tcheca
Polônia
Croácia
Angola
Tunísia
EUA
Irã
Arábia Saudita
Japão
Trinidad e Tobago
Costa Rica
Togo
Sérvia e Montenegro

O jogo final
Itália 1X1 França
5X3

Data: 09/07/2006
Local: Olympiastadion, Berlim
Juiz: Horacio Elizondo (Argentina)
Público: 69000 pagantes
Itália: Buffon, Zambrotta, Cannavaro, Materazzi, Grosso, Camaronesi (Del Piero), Gattuso, Pirlo, Perrotta (De Rossi), Totti (Iaquinta) e Toni. Técnico: Marcello Lippi.
França: Barthez, Abidal, Gallas, Sagnol, Thuram, Makelele, Malouda, Ribery (Trezeguet), Vieira (Diarra), Zidane, Henry (Wiltord). Técnico: Raymond Domenech.
Gols: Zidane (FRA) 6 e Materazzi (ITA) 19 do 1º tempo. Penaltis: Itália 5: Pirlo, Materazzi, De Rossi, Del Piero e Grosso. França 3: Wiltord, Abidal e Sagnol.
Expulsão: Zidane (FRA), aos 3 minutos do 2º tempo da prorrogação.

Alemanha 2006

Não tenho muito pra falar dessa Copa.
Lembro que pensava: "Se o Brasil não pegar a França, a gente é campeão, mas se pegar..."
E eu tinha CERTEZA ABSOLUTA que a gente ia pegar a França. Dito e feito. Todos sabem o que aconteceu...
Quanto a final, morro de curiosidade pra saber o que o Materazzi disse pro Zidane. E também jurava que a Itália ia amarelar nos penaltis e a França ia ser campeã, mas (inferno!) não foi e a bandida da Itália agora só tem um título a menos que nós. Mas vamos abrir vantagem de novo...

Japão/Coréia do Sul 2002 - Mais uma...

Japão/Coréia do Sul 2002 - Foto

RONALDO!!!!!!!!!!

Japão/Coréia do Sul 2002 - Dados

Realizada de 31 de maio a 30 de junho de 2002
64 jogos
161 gols
Artilheiros: Ronaldo (Brasil) com 8 gols
Classificação final:
Brasil
Alemanha
Turquia
Coréia do Sul
Espanha
Senegal
Inglaterra
EUA
Japão
Dinamarca
México
Irlanda
Suécia
Bélgica
Itália
Paraguai
África do Sul
Argentina
Costa Rica
Camarões
Portugal
Rússia
Croácia
Equador
Polônia
Uruguai
Nigéria
França
Tunísia
Eslovênia
China
Arábia Saudita

O jogo final
Brasil 2X0 Alemanha

Data: 30/06/2002
Local: International Stadium Yokohama, Yokohama
Juiz: Pierluigi Collina (Itália)
Público: 69029 pagantes
Brasil: Marcos, Lúcio, Roque Júnior, Edmílson, Cafu, Gilberto Silva, Kléberson, Roberto Carlos, Ronaldinho Gaúcho (Juninho, aos 39 minutos do 2º tempo), Ronaldo (Denílson, aos 45 minutos do 2º tempo) e Rivaldo. Técnico: Luiz Felipe Scolari.
Alemanha: Kahn, Linke, Ramelow, Metzelder, Frings, Bernd Schneider, Hamann, Jeremies (Asamoah, aos 33 minutos do 2º tempo), Bode (Ziege, aos 38 minutos do 2º tempo), Klose (Bierhoff, aos 29 minutos do 2º tempo) e Neuville. Técnico: Rudi Völler.
Gols: Ronaldo (BRA) 22 e Ronaldo (BRA) 34 do 2º tempo.

Japão/Coréia do Sul 2002

Bem, MAIS UM título... só pra quem pode né?
Essa Copa foi a primeira em dois países e a primeira fora dos continentes europeu e americano. Como o Brasil é foda, ganhou essa Copa também fora de seu continente, porque SÓ NÓS conseguimos isso... HÁ!
Essa foi a Copa que teve seus dois principais favoritos eliminados na primeira fase: Argentina e França, o que rendeu a famosa piada já postada aqui, neste blog, anteriormente.
A final, Brasil X Alemanha, foi o primeiro confronto das duas seleções e o Brasil foi campeão INVICTO e com SETE VITÓRIAS. Porque como eu disse antes: Semo foda!
Ah! Óbvio que, pra quem não sabe, nós, com esse título fomos o primeiro e até agora único país a ser PENTACAMPEÃO.
E pra quem não prestou atenção também, nós estivemos em TODAS as Copas. E mais uma vez, somos os ÚNICOS a fazer isso. Ai ai... enumerar o alto rendimento do Brasil em Copas cansa, às vezes... HAHAHAHAHAHAHAHA

França 1998 - Dados

Realizada de 10 de junho a 12 de julho de 1998
64 jogos
171 gols
Artilheiros: Suker (Croácia) com 6 gols
Classificação final:
França
Brasil
Croácia
Holanda
Itália
Argentina
Alemanha
Dinamarca
Inglaterra
Iugoslávia
Romênia
Nigéria
México
Paraguai
Noruega
Chile
Espanha
Marrocos
Bélgica
Irã
Colômbia
Jamaica
Áustria
África do Sul
Camarões
Tunísia
Escócia
Arábia Saudita
Bulgária
Coréia do Sul
Japão
EUA

O jogo final
França 3X0 Brasil

Data: 12/07/1998
Local: Stade de France, Saint-Denis
Juiz: Said Belqola (Marrocos)
Público: 75000 pagantes
França: Barthez, Thuram, Leboeuf, Desailly e Lizarazu; Karembeu (Boghossian, aos 12 minutos do 2º tempo), Petit, Deschamps e Zidane; Djorkaeff (Vieira, aos 30 minutos do 2º tempo) e Guivarc'h (Dugarry, aos 21 minutos do 2º tempo). Técnico: Aimé Jacquet.
Brasil: Taffarel, Cafu, Aldair, Júnior Baiano e Roberto Carlos; César Sampaio (Edmundo, aos 29 minutos do 2º tempo), Dunga, Leonardo (Denílson, no intervalo) e Rivaldo; Bebeto e Ronaldo. Técnico: Zagallo.
Gols: Zidane (FRA) 27 e 46 do 1º tempo; Petit (FRA) 47 do 2º tempo.
Expulsão: Desailly (FRA), aos 23 minutos do 2º tempo.

França 1998

Bem... esse foi um dos acontecimentos mais traumáticos da minha vida. Foi, inclusive, minha primeira tentativa de suicídio... é. Não tenho muito o que comentar de bom, teve o "problema" do Ronaldo, que ainda era Ronaldinho naquela época, que até hoje ninguém explica...
Bem, essa foi a primeira Copa com 32 seleções e as sedes não eram fixas.
Dia 07/07/98, exatamente 4 anos depois da última Copa, o Brasil voltava a enfrentar a Holanda, dessa vez nas semi-finais, num jogo que quase fez meu coração parar de bater. Na verdade eu posso jurar que ele realmente parou numa bola que o Kluivert chutou na trave, na prorrogação. Os penaltis então. JESUS!!!! Foi um dos jogos mais emocionantes ever!

EUA 1994 - Mais uma...

EUA 1994 - Foto

EUA 1994 - Dados

Realizada de 17 de junho a 17 de julho de 1994
52 jogos
141 gols
Artilheiros: Stoichkov (Bulgária) e Salenko (Rússia) com 6 gols
Classificação final:
Brasil
Itália
Suécia
Bulgária
Alemanha
Romênia
Holanda
Espanha
Nigéria
Argentina
Bélgica
Arábia Saudita
México
Noruega
EUA
Suíça
Irlanda
Rússia
Colômbia
Coréia do Sul
Bolívia
Camarões
Marrocos
Grécia

O jogo final
Brasil 3X2 Itália

Data: 17/07/1994
Local: Estádio Rose Bowl, Los Angeles
Juiz: S. Puhl (Hungria)
Público: 94194 pagantes
Brasil: Taffarel, Jorginho (Cafu, aos 20 minutos do 1º tempo), Aldair, Márcio Santos e Branco; Mauro Silva, Mazinho, Dunga e Zinho (Viola, a 1 minuto do 2º tempo da prorrogação); Romário e Bebeto. Técnico: Carlos Alberto Parreira.
Itália: Pagliuca, Mussi (Apolloni, aos 34 minutos do 2º tempo), Maldini, Baresi e Benarrivo; Albertini, Dino Baggio (Evani, aos 4 minutos do 2º tempo), Donadoni e Berti; Roberto Baggio e Massaro. Técnico: Arrigo Sacchi.
Gols (Nos penaltis): Brasil 3 (Romário, Branco e Dunga) e Itália 2 (Albertini e Evani).

EUA 1994

A COPA MAIS LINDA DE TODAS!!!
E olha nós aqui de novo!!!!!! Essa eu assisti! Ai que lindo!!!
Bem, primeiro vale ressaltar a "despedida do Maradona", lembram? Eu lembro, hahahahahahahaha, ele saindo de campo para o teste... foi simpático.
Vale dizer também que numa pesquisa feita em 1994, apenas 1 em cada 4 americanos sabia que tipo de esporte era praticado nessa "tal Copa do Mundo". Mas também, o que se espera de um povo que vota no Bush DUAS VEZES e não consegue lembrar o nome de um país com a letra "U" (Pra quem também não sabe, DICA: United States of America). Sem contar a manchete "This sport is stupid anyway"... Enfim! 
Nessa Copa as vitórias passaram a valer 3 pontos e não 2, como antes e também passou a se permitir mais uma substituição, desde que fosse do goleiro.
Agora minhas lembranças pessoais: Cotovelada do Leonardo no americano lá e nosso jogo contra eles, pelas oitavas, foi no dia 04/07, dia da independência americana, eles tavam se achando, coitados!
Dia 07/07, aquele jogo terrível contra a Holanda, com aquele filho da puta do Bergkamp fazendo gols e no final aquele gol salvador do Branco e o gol mais lindo da história do futebol (do Romário), nesse mesmo jogo... ai, chorei até.
E na final... ai, eu choro só de lembrar "PRA FORA, PRA FORA, É TETRA, BRASIL É TETRACAMPEÃO DO MUNDO" Muito obrigada, Roberto Baggio!

Ah! E tava esquecendo do coitado do Escobar, da Colômbia, que foi assassinado por ter feito um gol contra na Copa...

Itália 1990 - Dados

Realizada de 08 de junho a 08 de julho de 1990
52 jogos
115 gols
Artilheiro: Schillaci (Itália) com 6 gols
Classificação final:
Alemanha Ocidental
Argentina
Itália
Inglaterra
Iugoslávia
Tchecoslováquia
Camarões
Irlanda
Brasil
Espanha
Bélgica
Costa Rica
Romênia
Colômbia
Uruguai
Holanda
União Soviética
Áustria
Escócia
Egito
Suécia
Coréia do Sul
EUA
Emirados Árabes

O jogo final
Alemanha Ocidental 1X0 Argentina

Data: 08/07/1990
Local: Estádio Olímpico, Roma
Juiz: E. Codesal (México)
Público: 73603 pagantes
Alemanha Ocidental: Illgner, Berthold (Reuter, aos 28 minutos do 2º tempo), Kohler e Buchwald; Brehme, Augenthaler, Hässler, Mätthaus e Littbarski; Völler e Klinsmann. Técnico: Franz Beckenbauer.
Argentina: Goycochea, Simon, Ruggeri (Monzón, no intervalo) e Serrizuela; Basualdo, Troglio, Lorenzo, Burruchaga (Calderón, aos 8 minutos do 2º tempo) e Sensini; Dezoti e Maradona. Técnico: Carlos Bilardo.
Gol: Brehme (ALE), de penalti, 40 do 2º tempo.

Itália 1990

Essa Copa foi meio sem graça, tanto que as maiores estrelas eram os goleiros. Mas vale destacar algumas coisas: A Argentina, atual campeã, perdeu para Camarões na estréia (muahahahahaa). A final dessa Copa era exatamente a mesma da Copa anterior e o Brasil vivia o que chamaram na época de Era Dunga (???) e fomos desclassificados pela Argentina (MEDO). As duas semi-finais foram disputadas nos penaltis e a Itália estava lá acumulando experiências (não no sentido benjaminiano, óbvio!) para a sua história traumática em penaltis, perdendo para a Argentina. Até hoje não sei como eles ganharam da França em 2006... E tá chegando...

Ah! E uma coisa bonitinha... a Alemanha foi campeã no ano da sua reunificação... ówn.

México 1986 - Dados

Realizada de 31 de maio a 29 de junho de 1986
52 jogos
132 gols
Artilheiro: Lineker (Inglaterra) com 6 gols
Classificação final:
Argentina
Alemanha Ocidental
França
Bélgica
Brasil
México
Espanha
Inglaterra
Dinamarca
União Soviética
Marrocos
Itália
Paraguai
Polônia
Portugal
Hungria
Bulgária
Uruguai
Escócia
Coréia do Sul
Irlanda do Norte
Argélia
Iraque
Canadá

O jogo final
Argentina 3X2 Alemanha Ocidental

Data: 29/06/1986
Local: Estádio Azteca, Cidade do México
Juiz: Romualdo Arppi Filho (Brasil)
Público: 114600 pagantes
Argentina: Pumpido, Cuciuffo, Ruggeri, Brown e Olarticoechea; Batista, Enrique, Giusti e Maradona; Burruchaga (Trobbiani, aos 44 minutos do 2º tempo) e Valdano. Técnico: Carlos Bilardo.
Alemanha Ocidental: Schumacher, Berthold, Bernd Foerster, Jakobs e Briegel; Eder, Brehme, Mäthaus e Magath (Honess, aos 17 minutos do 2º tempo); Rummenigge e Allofs (Völler, no intervalo). Técnico: Franz Beckenbauer.
Gols: Brown (ARG) 23 do 1º tempo; Valdano (ARG) 11, Rummenigge (ALE) 29, Völler (ALE) 37 e Burruchaga (ARG) 40 do 2º tempo.

* Sim, eu coloquei aquela foto lá, sim, porque o blog é meu e eu mostro o que eu quero!

México 1986

A Copa deveria ter sido na Colômbia, mas, como raramente acontece, eles admitiram que não tinham condições de sediar a Copa e em 1982 o México se candidata novamente para sediar a Copa, se tornando, na época, o primeiro país a sediar 2 Copas.
Essa foi a Copa que o nosso ilustríssimo Zico fez o favor de perder um penalti contra a França, levando o jogo para a disputa de penaltis e fazendo a gente perder. Nem comento.
E se evitei falar do Pelé, não vai ser do Maradona que vou falar, né.

Espanha 1982 - Dados

Realizada de 13 de junho a 11 de julho de 1982
52 jogos
146 gols
Artilheiro: Paolo Rossi (Itália) com 6 gols
Classificação final:
Itália
Alemanha Ocidental
Polônia
França
Brasil
Inglaterra
União Soviética
Áustria
Bélgica
Argentina
Irlanda do Norte
Espanha
Argélia
Hungria
Escócia
Iugoslávia
Camarões
Honduras
Tchecoslováquia
Peru
Kuwait
Chile
Nova Zelândia
El Salvador

O jogo final
Itália 3X1 Alemanha Ocidental

Data: 11/07/1982
Local: Estádio Santiago Bernabeu, Madri
Juiz: Arnaldo Cézar Coelho (Brasil)
Público: 90000 pagantes
Itália: Zoff, Gentile, Colovatti, Scirea e Cabrini; Bergomi, Oriali e Tardelli; Conti, Paolo Rossi e Graziani (Altobelli, aos 7 minutos do 1º tempo - Causio, aos 43 minutos do 2º tempo). Técnico: Enzo Bearzot.
Alemanha Ocidental: Schumacher, Kaltz, Bernd Foerster, Karl-Heinz Foerster e Briegel; Dremmler (Hrubesch, aos 17 minutos do 2º tempo), Stieleke e Breitner; Littbarski, Fischer e Rummenigge (Muller, aos 24 minutos do 2º tempo). Técnico: Jupp Derwall.
Gols: Paolo Rossi (ITA) 12, Tardelli (ITA) 24, Altobelli (ITA) 36 e Breitner (ALE) 38 do 2º tempo.

Espanha 1982

Outra Copa indignante, mas pelo menos não foi garfada. Paolo Rossi foi lá e fez a parte dele, só isso. Mas te odeio mesmo assim, ok!
Essa foi a primeira Copa com 24 times e foi marcada por grandes contrastes. Enquanto Norman Whiteside, da Irlanda do Norte, entrava para a história como o jogador mais jovem a entrar em campo, com 17 anos e 42 dias (sim, os dias fazem diferença); Dino Zoff, da Itália, seria o jogador, capitão e campeão mais velho, com 40 anos.
Nessa Copa também tem a maior goleada: Hungria 10X1 El Salvador. E é isso aí.

Argentina 1978 - Dados

Realizada de 01 a 25 de junho de 1978
38 jogos
102 gols
Artilheiro: Kempes (Argentina) com 6 gols
Classificação final:
Argentina
Holanda
Brasil
Itália
Polônia
Áustria
Alemanha Ocidental
Peru
Tunísia
Espanha
Escócia
França
Suécia
Irã
Hungria
México

O jogo final
Argentina 3X1 Holanda

Data: 25/06/1978
Local: Monumental de Nuñez, Buenos Aires
Juiz: Sergio Gonella (Itália)
Público: 77300 pagantes
Argentina: Fillol, Olguín, Galván, Passarella e Tarantini; Gallego, Ardiles (Larrosa, aos 20 minutos do 2º tempo) e Ortíz (Housemann, aos 29 minutos do 2º tempo); Bertoni, Luque e Kempes. Técnico: César Luís Menotti.
Holanda: Jongbloed, Poortvliet, Krol, Haan e Brandts; Jansen (Suurbier, aos 28 do 2º tempo), Neeskens e Willy Van de Kherkof; Rep (Nanniga, aos 13 do 2º tempo), René Van de Kherkof e Resenbrink. Técnico: Ernst Happel.
Gols: Kempes (ARG) 38 do 1º tempo e Nanniga (HOL) 36 do 2º tempo; Kempes (ARG) 14 do 1º tempo e Bertoni (ARG) 9 do 2º tempo da prorrogação.

Argentina 1978

Preciso comentar? Só tenho duas palavras para essa Copa: Peru e Vergonha!
Pra quem não sabe.... Quando chegou nos dois grupos que decidia quem ia pra final e quem ia pra disputa de 3º lugar, o grupo do Brasil era Brasil, Peru, Argentina e Polônia. O Brasil ganhou de 3X0 do Peru, que era um ótimo time na época, e a Argentina ganhou de 2X0 da Polônia, isso na primeira rodada. Na segunda, Brasil e Argentina empataram, ou seja, iriam decidir quem ia pra final na última rodada. O jogo do Brasil foi antes (?!) e vencemos a Polônia por 3 a 1. Assim sendo a Argentina precisava vencer o Peru por no mínimo 4 gols de diferença, o que era beeem difícil na época. O Peru entrou em campo bem e até meteu umas bolas na trave argentina, mas reza a lenda que no intervalo o ditador argentino Jorge Videla teria ido pessoalmente ao vestiário peruano para "ressaltar a amizade que unia os dois países desde os tempos do general Sucre". Aí vocês já sabem o que aconteceu. O Peru ficou parado em campo. LITERALMENTE. E a Argentina venceu por 6 a 0 (??????????????????????????). Na disputa do 3º lugar vencemos a Itália.
Só pra não perder o costume EI, ARGENTINA, VAI TOMAR NO CU.

P. S. A gente tem o dobro e mais um título do que tem a Argentina e não precisou roubar em nenhum, já os dois títulos argentinos são, NO MÍNIMO, suspeitos...

Alemanha Ocidental 1974 - Dados

Realizada de 13 de junho a 07 de julho de 1974
38 jogos
97 gols
Artilheiro: Lato (Polônia) com 7 gols
Classificação final:
Alemanha Ocidental
Holanda
Polônia
Brasil
Suécia
Alemanha Oriental
Iugoslávia
Argentina
Escócia
Itália
Chile
Bulgária
Uruguai
Austrália
Haiti
Zaire

O jogo final
Alemanha Ocidental 2X1 Holanda

Data: 07/07/1974
Local: Estádio Olímpico, Munique
Juiz: J. Taylor (Inglaterra)
Público: 77400 pagantes - 79800 presentes
Alemanha Ocidental: Maier, Vogts, Schwarsenbeck, Beckenbauer e Breitner; Bonhof, Grabowski e Overath; Holzenbein, Gerd Müller e Höness. Técnico: Helmut Schöen.
Holanda: Jongbloed, Suurbier, Haan, Rijsbergen (De Jong, aos 23 minutos do 2º tempo) e Krol; Jansen, Van Hanegem e Neeskens; Rep, Cruyff e Resenbrink (Ren van der Kerkhof, no intervalo). Técnico: Rinus Michels.
Gols: Neeskens (HOL) 1, Breitner (ALE) 26 e Gerd Müller (ALE) 44 do 1º tempo.

Alemanha Ocidental 1974

E agora a gente vai ficar 5 Copas sem títulos, sim, 24 anos, mas tudo bem!
A Copa de 74 foi mais uma daquelas coisas inexplicáveis. O Carrossel Holandês deitando a Copa inteira, vencendo favoritíssimos e perdendo pra Alemanha na final. Assim como a Hungria em 54, mas... fazer o que? Essa Copa tinha a novidade de uma taça nova, que seria (é) transitória forever, ou seja, a ÚNICA taça entregue a alguma seleção é NOSSA. Ou de alguma madame aí que comprou um brinco feito do ouro derretido da querida Jules... enfim!
Nessa Copa teve uma novidade nas quartas. Os oito classificados se enfrentavam em dois grupos de 4, sendo o primeiro de cada grupo classificado para a final e os segundos para a disputa do 3º lugar. Brasil perdeu pra Holanda e disputou o 3º lugar com a Polônia... e perdeu.

México 1970 - Mais uma...

Semo foda ou o que? Hahahahahahaha

México 1970 - Foto

México 1970 - Dados

Realizada de 31 de maio a 21 de junho de 1970
32 jogos
95 gols
Artilheiro: Gerd Müller (Alemanha Ocidental) com 10 gols
Classificação final:
Brasil
Itália
Alemanha Ocidental
Uruguai
União Soviética
México
Peru
Inglaterra
Suécia
Bélgica
Romênia
Israel
Bulgária
Marrocos
Tchecoslováquia
El Salvador

O jogo final
Brasil 4X1 Itália

Data: 21/06/1970
Local: Estádio Azteca, Cidade do México
Juiz: R. Gloeckner (Alemanha Oriental)
Público: 107412 pagantes - 110200 presentes
Brasil: Félix, Carlos Alberto, Brito, Piazza e Everaldo; Clodoaldo, Gérson e Rivellino; Jairzinho, Tostão e Pelé. Técnico: Zagallo.
Itália: Albertosi, Burgnich, Cera, Rosato e Fachetti; De Sisti e Bertini (Giuliano, aos 28 minutos do 2º tempo); Domenghini, Boninsegna (Rivera, aos 38 minutos do 2º tempo), Riva e Mazzola. Técnico: Ferruccio Valcareggi.
Gols: Pelé (BRA) 18 e Boninsegna (ITA) 37 do 1º tempo; Gérson (BRA) 20, Jairzinho (BRA) 25 e Carlos Alberto (BRA) 41 do 2º tempo.