Informações não pedidas e tão pouco necessárias

Minha foto
Princesa herdeira, daemon, cabelo, escritora, amigona, dragona e dona do Blaublau; assistente técnica do melhor time e sem paciência pra você. Pra me atormentar basta existir, mas espera atrás da capa. Ah é... eu sou o Batman.

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

"Quem conhece os desígnios de Morgoth? Quem pode medir o alcance de seu pensamento, daquele que foi Melkor, poderoso entre os Ainur da Grande Canção, e que agora estava assentado como senhor do escuro em um trono escuro no Norte, pesando em sua malícia todas as notícias que lhe chegavam, fosse por espião ou por traidor? Morgoth via com os olhos da mente e compreendia muito mais dos feitos e propósitos de seus inimigos do que temia até mesmo o mais sábio entre eles, a não ser a Rainha Melian. Para ela muitas vezes se estendia seu pensamento, mas ali era frustrado."

Os filhos de Húrin
"Poderosos são os Ainur, e o mais poderoso dentre eles é Melkor; mas, para que ele saiba, e saibam todos os Ainur, que eu sou Ilúvatar, essas melodias que vocês entoaram, irei mostrá-las para que vejam o que fizeram. E tu, Melkor, verás que nenhum tema pode ser tocado sem ter em mim sua fonte mais remota, nem ninguém pode alterar a música contra a minha vontade. E aquele que tentar, provará não ser senão meu instrumento na invenção de coisas ainda mais fantásticas, que ele próprio nunca imaginou."

O Silmarillion

Oi!

Ei pessoas! Saudades? Eu to morrendo de saudade de vocês!!!
Love you.

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Em que mundo?

Eu sei que já foi, mas... Em que mundo Messi é melhor que Kaka??? Em que mundo aquele golzinho do C. Ronaldo é mais bonito que o do Nilmar??? Ou até o do Diego Souza (e olha que eu odeio ele...)??? Nem comento. Mas a FIFA ta precisando se aposentar...
Love you.

Mundinho fechado!

Incrível!!! As pessoas aqui nessa cidade vivem no seu próprio mundinho, como diria o Samuel, fechado. Odeio essa cidade. Sinto muito se alguém daqui ler isso, mas não gosto. Eu tento, mas não consigo. Nossa... um pouco de civilização faz bem às vezes. Nem que seja só um pouquinho... Aff! Cheguei à conclusão hoje que dificilmente alguém aqui sabe quem é Don Corleone... Fui fazer uma piada e, bem, só eu ri... é um pesadelo!!! Mas to voltando... Bjinhos e Feliz Natal a todos!!!!
Love you.

domingo, 20 de dezembro de 2009

Adeus!

Calminha aí que não é definitivo não! Acharam que iam se livrar de mim assim tão fácil??? Mas por duas semaninhas eu não estarei por aqui e lá na minha bela city do interior do interior, internet não é uma coisa assim tão disponível, so...
Ficarei com saudades de vcs, poucas queridas pessoas que lêem esse blog.
Bom Natal e Ano Novo pra todos vocês!!!
Love you.

sábado, 19 de dezembro de 2009

Ruim

O que umas cervejinhas não faz com o sujeito... hahahaha
Minha vida é uma piada!!!
My angel, my all, my otherself... Beethoven me faz chorar...
Ok! Eu não to boa hoje...
Love you.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Ludwig

Gente, fala sério. NÃO EXISTE NADA COMO BEETHOVEN!!!! Eu sei que muita gente acha Mozart um gênio, eu tb acho. O cara é foda! E Bach e Haendel e etc... Mas nada, pra mim, se compara à Nona Sinfonia de Beethoven ou ao Concerto nº 5. São as músicas mais perfeitas do mundo. Repito: essa é a minha opinião, não sou nenhuma expert em sinfonia, concerto ou mesmo em música em geral. Mas não tem um só dia que eu não ouça o Concerto nº 5 sem chorar. É simplesmente perfeito! Isso sem citar Sonata ao luar. Ah! Sem chance. Amo Wagner e a Cavalgada, Tchaikovsky e Ravel. Mas Beethoven é incomparável!!!
Love you.

.

Daqui a dois dias terei que ir pra querida cidade dos meus tios. NÃO GOSTO, mas pelo menos vou ver minha tia, minhas irmãs, meus sobrinhos...
Mas é tudo tão cu, não é? Não aguento mais isso. Ah droga, falei que não ia fazer isso no blog, mas eu to tão triste, tão entediada e com tanta saudade de Oxford... É tão lindo...
Mas... o Roberto Carlos ta chegando, assim como o aniversário do Tolkienzinho, so... Who cares???
Love you. Or not. Whatever.

Tristeza

Ah! O que fazer??? Posso morrer??? Não! Posso desistir??? Não! Quero viver?? Não!
Então... o que fazer?
Not loving you too much today.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Gabriela

Hoje eu não tenho nada muito interessante pra dizer, porque eu to aqui conversando com a Bi e ela não fala nada de interessante. Ela é chatinha, sem graça... fazer o que? Rsrsrsrs. Brincadeira! Adoro minha cunhadinha, pena que é palmeirense... Aff!
Love you.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Blaublau

O Blaublau me permitiu dizer e publicar a verdade aqui...
Essa é a reunião em que o Blaublau decidiu deixar o parmerinha fora da libertadores... rsrsrsrs. Fazer o que, Blaublau decidiu, ta decidido!
Love you.

Oh!!!!

Oh vidinha mais ou menos... Um dia atrás do outro, nada pra fazer. Como diria meu amigo Gollum... nobody likes you...
Saudade do Gollum!
Love you.

1 mês.

Hoje faz um mês que estive nos lugares mais lindos do mundo... O túmulo do Tolkienzinho, o Eagle and Child, Exeter College, Magdalen College. Ah! Quanta saudade!!! Quero voltar!!!
Love you.

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Mais um!!!

video

Homenagem ao querido Tolkien!
Love you.

Eu que fiz

video


Love you.

Ódio!

Odeio pessoas preconceituosas, odeio, odeio, odeio!
Leu, assistiu, não gostou? Ok, é um direito de todo e qualquer ser humano. Mas NÃO ENCHE O SACO, AFINAL TEM GENTE QUE GOSTA. E ninguém é obrigado a se sentir mal por gostar de algo, só porque alguns retardados não gostaram.
Ai que ódio.
Hate you.

domingo, 13 de dezembro de 2009

Pela primeira vez

Pela primeira vez eu ficarei feliz de ninguém ler esse blog.
Pela primeira vez eu vou fazer uma coisa idiota que eu não queria, mas eu não consigo evitar. Tenho que escrever.
Pela primeira vez percebi porque eu não quero mais viver, porque a morte é tão animadoramente bem vinda. Eu tenho medo.
Tenho medo que as coisas não funcionem, que as coisas continuem como estão e nunca mudem. E mesmo que mudarem, de que adianta? Não faz diferença. Tudo é sempre igual. E eu tenho medo que seja sempre igual e também tenho medo que mude. Eu sempre tenho medo. E a morte parece a melhor solução.
Podem ficar tranquilos, não vou transformar o blog em um lugar pra escrever bobagens sobre a minha vidinha patética. Mas também, o que importa, se eu quiser escrever, escrevo e pronto!
Love you. Not me, just you.

sábado, 12 de dezembro de 2009

Tom Amandes

Deus atendeu as minhas preces!!! Uau!!! Tom Amandes é o James Stewart da minha época!!! Muito igual, muuuuito!!!! Ai ai...


Lógico que se tivesse um James Stewart da década de 30 seria melhor, ou o verdadeiro... Esse posto então continua sendo do Ralph Fiennes. Mas um James da década de 50/60 também é muito bom!!! Good for me!!!
Love you.

Trauma

Eu matei meu porquinho!!!
Eu não sabia que ele saía fatiado quando colhia... Ai que dó!!!
Love you.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

O banquinho verde

Ah! Eu não tirei foto do banquinho verde, mas ele ficava perto do túmulo do Tolkien. Tinha vários lá, mas esse era o mais antigo, perto de uma árvore grande e bonita, coberto de musgo, parecendo de outro mundo. E era...
Love you.

Lord Voldemort

Essa é a floresta onde vi Lord Voldemort pela primeira vez.

Caindo a ficha

Nossa! Só agora ta caindo a ficha: Eu FUI pra Oxford!!! Eu VI o túmulo do Tolkienzinho!!! Tomei pepsi sentada na mesa em que os Inklings se reuniam, no Eagle and Child!!! Vi o Exeter E o Magdalen College!!! UAU!!! Nem acredito!!!
Love you.

E se fossem trigêmeas??

Todo mundo fala em almas gêmeas... mas e se fossem trigêmeas? Tipo, eu amo fulano e tenho certeza que ele é minha alma gêmea, mas ele ama o Josisbaldo e tem certeza que o Josisbaldo é a alma gêmea dele. Mas o Josisbaldo me ama e acha que eu sou a alma gêmea dele... Hahaha. Engraçado seria!
E será que é possível alguém ser a alma gêmea de alguém que não é a dele?
Acho que é mais fácil não existir nada disso mesmo... Mas o mundo seria muito mais bonito se existisse. Ops, eu estou falando como se não existisse. Mas existe!
Love you.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Colheita feliz

Ha! Essa colheita feliz... Faz as pessoas virarem bandidos.
Pessoas que eu jamais imaginei que fossem roubar, até eu mesma. Mas quando se ve um pé de maçã super vermelhinho... ou uns moranguinhos... E o latão cheio de leite? Só não robo a vaquinha pq não da, rsrsrs.
Quem diria que uma fazendinha faria isso com as pessoas...
Acho que minha tia tem razão: a internet revela o pior das pessoas...

Livro

Terminei o primeiro capítulo do meu livro... não sei se ta bom, mas vou continuar...
Devo tudo ao Tolkienzinho, por isso esse livro é em homenagem a ele.
Love you Tolkien.

Sonhos

Nossa! Eu tenho cada sonho doido, mas eu adoro eles. Pena que eu acordo... To sonhando com uma coisa maravilhosa, aí toca o telefone... Ahhh!!! Que raiva! Queria tanto que pelo menos um desses sonhos se tornasse realidade. Mas desses sonhos sonhados, não sonhos no sentido de coisas que eu quero para mim e blá blá blá. Não! Sonhos que a gente sonha quando ta dormindo... eu adoro os meus sonhos, de verdade!
Love you.

Pessoas

Como algumas pessoas podem passar a fazer parte da nossa vida de repente e de maneira tão boa. Esse post é para três pessoas que passaram a ser muito especias: Flávia, Satine e Lívia. Vocês são umas florzinhas lindas do meu jardim malcuidado.
Amo vcs meninas!!!

A Oxford que eu vi!



Sentada no ônibus, indo de Londres para Oxford, me senti um pouco desapontada. Achei que tudo era diferente na Inglaterra, principalmente as paisagens, mas do que eu tinha visto até ali, tudo era muito parecido com o Brasil. Então passamos por uma placa, que também era igual as do Brasil, em que estava escrito “Oxfordshire”. Me senti passando pelo guarda roupa de Lewis nesse momento. Foi mágico! Tudo mudou, a paisagem, o ar, o tempo. Tudo confirmando o que eu sempre achei: Oxford é um lugar encantado.
No primeiro dia eu praticamente só viajei, por isso não vi nada da cidade. Como meu hotel (um castelo muito lindo, por sinal) era um pouco longe da cidade de Oxford, só consegui visitar a cidade na segunda-feira. Com um roteiro preparado para seguir os passos de J. R. R. Tolkien pela cidade, fui, numa manhã enregelante, para Oxford. No caminho, falando com o taxista, expliquei que estudava Tolkien, achando que ele diria “Ah, sim! Tolkien!!”, mas ele parecia nem conhecer. Somente quando eu disse que era o escritor de O Senhor dos Anéis ele pareceu se lembrar, o que me fez ver que nem todos os habitantes de Oxford são grandes fãs de Tolkien.
Comecei meu trajeto pelo cemitério de Wolvercote, onde Tolkien está enterrado junto com sua esposa. Havia placas indicando o local do túmulo e quando cheguei lá não pude deixar de notar que tinha um dedinho do Tolkien na escolha do local, afinal, sua esposa morreu dois anos antes e ele pareceu esolher um lugar onde o som do vento nas árvores parece uma canção doce dos elfos da Terra-média. No túmulo está, sob o nome de cada um deles, o nome dos dois personagens da maior história de amor de Tolkien: Beren e Luthien. Tolkien diz em uma de suas cartas que nunca chamou Edith de Luthien, mas que a personagem era baseada nela, pois quando a conheceu, seus cabelos eram negros e ela cantava. Na história, Beren, um mortal, encontra Luthien, uma elfa, cantando e dançando na floresta. É uma história trágica e uma das melhores que compõe O Silmarillion, obra de Tolkien publicada postumamente, embora tenha sido uma das primeiras coisas que escreveu.
Depois de chorar muito no túmulo, andei um pouco até a Northmoor Road, rua em que ficava duas casas em que o Tolkien viveu. Uma delas tinha até uma plaquinha informando que ali tinha vivido o autor de O Senhor dos Anéis. Depois, andei até o pub Eagle and Child, carinhosamente apelidado pelos Inklings (grupo do qual Tolkien e Lewis faziam parte) de Bird and Baby. Lá havia vários quadros de fotos de Tolkien, Lewis, e dos outros integrantes do grupo, assim como também uma placa redonda em que se registrava que ali tinha ocorrido algumas reuniões do grupo que possibilitou, a partir de leituras e opiniões dos amigos, o desenvolvimento das obras tanto de Tolkien quanto de Lewis.
A próxima parada foi o Exeter College, um dos colégios da Universidade de Oxford onde Tolkien deu aula. Consegui tirar umas fotos externas, mas eles não me permitiram visitar a sala do professor. O mesmo aconteceu no Magdalen College, onde Lewis passou boa parte de sua carreira e onde também ocorria, às vezes, reuniões dos Inklings. Dia 22 de novembro faz 46 anos que Lewis morreu e dia 29 de novembro vão ser 111 anos (a idade de Bilbo no início de O Senhor dos Anéis) do seu nascimento, mas nem mesmo essas alegações amoleceram o coração do pessoal que tomava conta da entrada do colégio. Paciência! Quem sabe da próxima vez, quando eu voltar como estudante da Universidade, no doutorado, eles me permitam ao menos conhecer as salas desses dois grandes escritores de fantasia do século XX.
Love you.

Oxford again

To com saudade até dessa praga que me atrapalhou...
Love you.

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Futebol é uma coisa linda!!!

Rsrsrs.
Love you.

Love you.

Bom, vcs já devem ter percebido que adotei o título deste post como assinatura e venho por meio deste explicá-la.
O "you" não é ninguém em particular e sim o grupo de leitores do meu blog. Não que haja algum... até agora não, mas isso não importa. Me refiro aos leitores para quem escrevo, para quem imagino que estou escrevendo. E são esses leitores que eu amo. Ok?
Love you.

A inconveniência da montanha

Muitas pessoas que me conhecem já ouviram a minha teoria da inconveniência da montanha. Agora, pela primeira vez, colocarei ela em palavras.
Todos já ouviram o ditado: "Se Maomé não vai até a montanha, a montanha vai até Maomé".
Meu ponto é: Será que não passa pela cabecinha da montanha, nem por um momento, que se o Maomé não foi até ela é porque ele não quer e, neste caso, ela deveria respeitar a vontade do coitado e ficar paradinha lá onde quer que ela esteja.
Santa inconveniência.
Love you.

Preconceito

Eu odeio preconceito, odeio pessoas que saem por aí falando "ah, eu odeio Paulo Coelho, porque ele é literatura de massa", e daí? Qual é o problema?? O pior é que vc vai perguntar se já leu e a resposta é sempre não. Por que as pessoas fazem isso?? São retardadas. É igual com a saga Crepúsculo... ficam fazendo charminho e os que leram e gostaram têm medo de admitir, então ficam lendo escondido e depois falam mal para os amiguinhos. Afff, além de preconceituoso é falso. Só pq o professorzinho falou que é ruim.
Bom, aqui vai então. Eu sou formada em letras pela Unesp de Rio Preto, ou seja, o melhor curso de letras do Brasil, segundo o MEC. Sou quase mestre em teoria da literatura* e digo: Paulo Coelho é literatura sim!!! E falo isso pq li, não porque alguém me disse. E a saga Crepúsculo é muito boa também. Li os quatro em uma respirada só. Isso não é sinal de que o livro é bom? Ou não? Ah!!! Os críticos diriam que não, afinal, é só um historinha de amor, sem trabalho com a linguagem, e também nem é metaficcional. Se fosse uma hsitorinha de amor entre uma humana e um vampiro num romance metaficcional. OOOOHHHH!!!! Que grande obra. Crítico é uma praga mesmo.

* Quem me conhece sabe que eu fui altamente irônica nessa afirmação, afinal não acho que título ou diploma vale alguma coisa quando o assunto é literatura. A única coisa que qualifica ou não alguém a dizer alguma coisa é a leitura. Se um mendigo semi analfabeto leu um livro e expressou a sua opinião, ela vale pra mim tanto quanto a do Antônio Cândido. Pq ele leu, e isso lhe da o mesmo direito de qualquer crítico ou teórico por aí. Mas para aqueles que acham que precisam de algum amparo e que não conseguem dizer que gostam de alguma coisa a não ser que seja legitimado pela academia, aí fica a minha opinião. Embora eu prefira que ela seja considerada como a de uma leitora e não a de uma "especialista" em teoria da literatura.

Cabeças de chave

Essa é uma discussão apresentada pela primeira vez no twitter, há alguns dias atrás, antes do sorteio. Na época, a França ainda era um dos cabeças de chave, mas foi substituída pela Holanda. Resolvi manter minha argumentação inicial porque foi muito boa, mas provavelmente a substituição da França pela Holanda se deu por causa da colocação da última no ranking da FIFA (na frente da França). Mas ainda é injusto, afinal o Uruguai tem dois títulos mundiais e a Holanda não tem nenhum e a nova decisão da FIFA também é um pouco complicada já que a França está na frente de Argentina e Inglaterra no ranking. Qual foi o critério então? Se foi reclamação do Uruguai não vejo muita diferença na injustiça, mas pelo menos resolve o problema da repescagem. De qualquer maneira, tanto França quanto Holanda confirmam minha suspeita, expressa na conclusão.
Sem mais delongas, minha opinião sobre o assunto:

O Brasil é 5 vezes campeão, o único a participar de todas as Copas do Mundo, o único a vencer uma Copa fora de seu continente (só pra constar foi uma na Europa, uma na Ásia, uma na América do Sul e duas na América do Norte e logo será na África e quando fizerem na Oceania a gente ganha também, rsrs) e atual campeão da América, ou seja, completamente compreensível que seja um dos cabeças de chave da Copa.
A África do Sul é a sede... também compreensível.
A Itália é a atual campeã, também compreensível.
Mas por que cargas d'água Alemanha, França, Inglaterra, Argentina e Espanha são cabeças de chave???
Alguém poderia me dizer: "Porque são todos campeões do mundo". Mas a Espanha não é, o Uruguai sim (2X), por que ele não é cabeça de chave???
E mais uma vez alguém diria: "Mas o Uruguai se classificou na repescagem e a Espanha é a atual campeã da Europa".
Ha! Mas a França também se classifiou na repescagem (e com um gol roubado*) e o Uruguai tem 2 títulos e a França só 1.
Alguém insiste: "Mas a França ganhou do Brasil". E eu digo: "Ah! Mas o Uruguai tb e no Maracanã lotado. E o outro ganhou da Argentina"
E tudo isso me leva à única conclusão possível: Espanha e França são da Europa, enquanto o pobre Uruguai é só um paízinho da América do Sul!

* Tanto que a FIFA está pensando em incluir a Irlanda (time prejudicado pela França) na Copa, que teria 33 times e não 32. (???)

P. S. A FIFA não incluiu a Irlanda.

Love you.

Saudades de Oxford

Ok! Pode parecer metideza, mas eu não ligo. To com muitas saudades de Oxford, ainda mais com esse tempinho que ta fazendo agora...
Foi tão lindo o ÚNICO (viu, Eynsham Hall) dia que passei lá.
Eu ainda não comentei com muita gente, mas o Tolkienzinho me deu um oi quando eu tava no seu túmulo... Foi encantadoramente mágico. E isso é só meu! Ninguém pode tirar... Ah! Que sensação maravilhosa!!!
E tem o banquinho verde, mas essa é uma outra história.
Love you.

Conversa de ANÕES

" - Ah! Vocês não vão acreditar. Estão chamando a gente de ananos no Brasil. Pode uma coisa dessas...
- Nossa, por que estão fazendo isso?? Será que eles ficaram zangados por termos pegado tanto ouro de lá?? Só pode ser isso, não tem outra explicação pra tamanha punição.
- É, deve ser isso..."

Ananos

Quem diabos é ananos??? Esse povo ta maluco. Não tem nada que explique tal escolha. Isso é um absurdo... Não interessa se é uma palavra que existe na língua portuguesa, NINGUÉM USA ISSO E NINGUÉM GOSTA DISSO!!! Agora, só porque o Tolkien usou "dwarves" e não "dwarfs", vão dar regaço. Ele também usou "elves", por que não traduziram elfanos também???
Super indignação, pena que tenha que começar assim meu novo blog...
Love you.

Welcome

Mais um blog meu, sim!
Esse agora é pra falar de qualquer coisa que eu quiser, a qualquer momento. E, como ninguém é obrigado a ler, não quero ninguém me atormentando quanto aos assuntos que eu escolher. Lê quem quer, não me encham!
Love you.